Repórter Guaibense

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

Colunas/Geral

ONU alerta a humanidade: “temos dois anos para salvar o planeta”

Não só de recursos financeiros, mas medidas práticas tem que ser tornar realidade.

ONU alerta a humanidade: “temos dois anos para salvar o planeta”
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Para evitar que as mudanças climáticas se tornem ainda piores, a Humanidade tem apenas uma janela minúscula de dois anos para tomar medidas e se salvar, de acordo com o chefe do Clima da ONU. No último dia 10, à líderes empresariais e bancos de desenvolvimento, ele alertou que o aquecimento global está diminuindo a capacidade de ação dos governos.

Simon Stiell, secretário executivo da Convenção - Quadro das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas, disse que os próximos dois anos são “essenciais para salvar o nosso planeta, já que ainda temos a oportunidade de fazer cair as emissões de gases com efeito de estufa, com uma nova geração de planos climáticos nacionais, mas precisamos destes planos mais fortes, agora.”

Especialistas afirmam que diminuir à metade as emissões de gases com efeito de estufa prejudiciais ao clima até 2030 é crucial para impedir um aumento das temperaturas superior a 1,5 graus Celsius, o que já vem  provocando condições meteorológicas e calor mais extremos. No entanto, em 2023, as emissões mundiais de CO2 bateram recordes de emissão relacionadas à energia e os atuais compromissos de combate às alterações climáticas vem se mostrando ineficientes para a redução as emissões globais até 2030.

Leia Também:

Falando num evento no grupo de reflexão Chatham House, em Londres/Inglaterra, Stiell disse que o Grupo das 20 principais potências econômicas conjuntas, responsáveis ​​por 80% das emissões globais, precisam urgentemente avançar com atitudes e não com documentos.

A principal tarefa das negociações climáticas da ONU de 2024 em Baku/Azerbaijão é que os países cheguem a acordos sobre uma nova meta para o financiamento climático, a fim de apoiar os países em desenvolvimento que lutam continuamente para investir no abandono dos combustíveis fósseis e no combate às alterações climáticas e suas consequências.

Os encontros, debates e embates na ONU aumentaram nos últimos anos, com milhares de lobistas e representantes empresariais presentes juntamente com delegações governamentais diretamente envolvidas nas negociações, assim como ativistas defensores da mais diversas pautas pela preservação da vida na Terra.

Stiell disse que adoraria ver as futuras reuniões da COP reduzidas em tamanho, ao mesmo tempo em que priorizasse resultados práticos de negociações. Afirmou que, conversando com o Azerbaijão e o Brasil – anfitrião das próximas duas cúpulas climáticas da ONU, apelou à angariação de mais financiamento climático através do alívio de dívidas, de financiamento com juros menos abusivos para os países mais pobres, de novas fontes de financiamento internacional, como um imposto sobre as emissões do transporte marítimo, e de reformas no Banco Mundial e no Fundo Monetário Internacional. “Todos os dias, os ministros das finanças, os CEO, os investidores, os banqueiros climáticos e de desenvolvimento direcionam triliões de dólares. É hora de transferir esses dólares”, disse Stiell.

Num ano próspero para eleições em todo o mundo - com eleitores da Índia, da África do Sul e dos Estados Unidos a irem às urnas - Stiell alertou que muitas vezes a ação climática está a "escapar nas agendas do gabinete". Políticos, desde o líder republicano Donald Trump nos Estados Unidos, até partidos de extrema direita que procuram ganhos nas próximas eleições da UE , recuaram nas políticas climáticas enquanto cortejavam os eleitores.

O próximo passo também é ficar atento à organização da COP 30 em 2025 - Belém do Pará - Brasil e confirmar se os recursos estão chegando onde devem chegar, se as práticas estão saindo do papel e se a Humanidade tem salvação, de fato...

A Coluna Papo Ambiental é um oferecimento de:

 

FONTES:

CNN BRASIL. Disponível em: https://www.cnnbrasil.com.br/internacional/chefe-do-clima-na-onu-temos-dois-anos-para-salvar-o-planeta/ Acesso em 15/04/2024.

PORTAL TERRA Disponível em: https://www.terra.com.br/planeta/noticias/humanidade-tem-2-anos-para-salvar-o-planeta-diz-chefe-da-onu,ba0c791f61218a6fb885389a80703cd0olqn45ch.html#:~:text=Os%20compromissos%20atuais%20de%20combate,essenciais%20para%20salvar%20nosso%20planeta%22. Acesso em 15/04/2024.

REUTERS. Disponível em: https://www.reuters.com/world/un-climate-chief-says-two-years-save-planet-2024-04-10/#:~:text=LONDON%2FBRUSSELS%2C%20April%2010%20(,is%20slipping%20down%20politicians'%20agendas. Acesso em 15/04/2024.

 

Comentários:
Aline Stolz

Publicado por:

Aline Stolz

Saiba Mais

Veja também