Repórter Guaibense

Notícias/Cidadania

Voluntários promovem blitz de conscientização da doação de sangue; saiba como doar

A ação do grupo Amor nas Veias ocorreu no Centro

Voluntários promovem blitz de conscientização da doação de sangue; saiba como doar
Pedro Molnar
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Voluntários promoveram uma blitz de conscientização da doação de sangue na manhã desta terça-feira (14), dia mundial do doador de sangue. A ação do grupo Amor nas Veias ocorreu na esquina das avenidas São José e 20 de Setembro, no Centro, com entrega de materiais informativos sobre esse simples gesto de solidariedade.

"A importância das doações são vitais para muitas pessoas que enfrentam problemas de saúde. O que queremos é que não seja somente o Junho Vermelho e o dia 14 de junho, dia mundial do doador, para as pessoas se conscientizarem para irem sempre aos hemocentros. Precisamos de homens de 60 a 60 dias e mulheres de 90 a 90 dias para podermos suprir as necessidades que os bancos de sangue do mundo todo estão passando", diz o coordenador Roberto Silva.

O Amor nas Veias existe há quase dois anos e mensalmente, com um transporte fornecido pela Secretaria Municipal de Saúde, os voluntários vão aos bancos de sangue da Porto Alegre. Em março, mês alusivo à mulher, mais de 100 foram fazerem o gesto simples de solidariedade: doar sangue para salvar mais vidas. E, além de promover as doações, os participantes realizam oficinas para divulgar e captar mais doadores. 

"Para mim, sempre digo que o momento que a agulha entra na veia e o sangue começa a sair é o momento mais próximo que tenho com Deus. É uma sensação de poder estar naquele momento ajudando a salvar quatro vidas. Não tem preço, não tem dinheiro que pague esse momento de apoiar aquelas pessoas que dependem das doações. O objetivo do Amor das Veias é ajudas a salvar mais vidas", complementou Silva.

A ação ainda teve apoio da Câmara de Vereadores e da faculdade UNINTER. 

Para doar sangue, basta ter entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos devem possuir consentimento formal do responsável legal); pesar no mínimo 50 kg; estar alimentado. Não ingerir alimentos gordurosos antes da doação; ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas; e apresentar documento oficial de identificação com foto.

Uma única doação de sangue, de 450 ml, é suficiente para salvar a vida de até quatro pessoas. Além disso, essa quantidade é reposta no organismo em 24 horas.

Em 2019, foram realizadas 3.271.824 coletas de sangue no Brasil. Em 2020, o número caiu para 2.958.665. Já em 2021, o número subiu para 3.035.533 bolsas de sangue coletadas.

 

Contato

Para participar do Grupo Amor nas Veias é necessário entrar em contato pelo whats (51) 9522-0995, com Beto Silva.

 

Campanha nacional 

Com o mote “Doe sangue regularmente. Você doa, a vida agradece”, o Ministério da Saúde lançou hoje (14) uma campanha para sensibilizar a população brasileira sobre a importância da doação de sangue. A campanha quer aumentar os estoques disponíveis nos hemocentros do país, que sofreram baixa durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Comentários:

Veja também