Repórter Guaibense

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

Notícias/Educação

Comunidade abraça a escola Ruy Coelho Gonçalves, uma das mais atingidas pelas enchentes de maio

A escola de cerca de 325 estudantes de ensino médio está fechada há mais de um mês

Comunidade abraça a escola Ruy Coelho Gonçalves, uma das mais atingidas pelas enchentes de maio
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A comunidade da escola estadual Ruy Coelho Gonçalves abraçou o colégio que foi um dos mais atingidos na enchente que devastou grande parte de Guaíba no mês de maio. O encontro na manhã desta segunda-feira (10) reuniu estudantes, professores e funcionários da instituição do maior bairro da cidade, Cohab-Santa Rita.

Os estudantes fizeram varal de pensamentos positivos para que haja boas energias até que a escola esteja limpa, organizada e pronta para o retorno às aulas presencias. Entre as mensagens de fé e esperança, estavam "a escola é um lugar de acolhimento", "respeito", "gratidão, "união", "nós somos a escola, sejamos fortes" e que tudo vai ficar bem. 

A escola de cerca de 325 estudantes de ensino médio está fechada há mais de um mês. As aulas ocorrem atualmente de forma online até a conclusão da limpeza dos fuzileiros navais da Marinha do Brasil.

Leia Também:

A supervisora escolar Adriana Azevedo afirma que a instituição está atendendo os estudantes em formato online para que não fiquem sem aulas e para que possa haver o contato geral com os professores e todos os colegas neste momento de reconstrução. 

"Queríamos que fosse mais rápido possível essa volta à nossa escola, pois somos uma escola de tempo integral. Nossos alunos seguem em casa e sem as atividade do turno inverso. Estamos aguardando", complementa Adriana.

O prédio "salvou" mais de 800 moradores durante a enchente no início de maio, as vítimas da enchente se abrigaram na escola símbolo do bairro da zona norte da cidade naquele sábado até a chegada dos resgates. 

Comentários:

Veja também