Repórter Guaibense

Quarta-feira, 28 de Fevereiro de 2024

Notícias/Política

Todos vereadores de Guaíba tentarão reeleição em 2024; pelo menos sete mudarão de partido

Confirmadas, as migrações vão trazer mudanças significativas nas composições das bancadas

Todos vereadores de Guaíba tentarão reeleição em 2024; pelo menos sete mudarão de partido
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Todos os vereadores atuais de Guaíba tentarão a reeleição nas eleições municipais de 2024, e pelo menos sete dos 17 mudarão de partido durante a janela partidária, em março, quando podem mudar de partido sem perder o mandato. Confirmadas, as migrações vão trazer mudanças significativas nas composições das bancadas e no processo de articulação, focando as eleições de outubro.

Tiago Green assinará ficha no Cidadania, Carla Vargas no União Brasil, Graciano no PSDB e Arilene Pereira no PDT ou Podemos, depois de deixarem o extinto PTB.

Segue indefinido o futuro político de Miguel Crizel. Membro da base governista, ele poderá continuar no União Brasil, que apoia a candidatura de Cleusa Silveira à prefeita, ou apoiará a reeleição de Marcelo Maranata em outra legenda. Ale Alves não seguirá no PDT de Maranata, mas não sabe qual sua próximo partido.

Leia Também:

Os vereadores licenciados Airton Elegância e Juliano Ferreira irão para o Podemos e Leticia Maidana deixará o Solidariedade e concorrerá pelo PRD (da fusão de PTB e Patriota). Atuais secretários municipais do governo Maranata, os três devem voltar a Câmara de Vereadores ainda no primeiro semestre de 2024. 

Comentários:

Veja também