Repórter Guaibense

Sexta-feira, 19 de Julho de 2024

Colunas/Geral

O poder da solidariedade ao povo gaúcho

Sou muito grato pelas oportunidades que me são dadas em poder ajudar aqueles que precisam mais do que nós

O poder da solidariedade ao povo gaúcho
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Olá queridos leitores, a exatamente a um ano atrás, por motivos profissionais e também pessoais, acabei deixando nossos encontros semanais. Senti muita saudade de cada troca de experiências que tivemos, de cada reflexão feita.

Coincidentemente, neste mês, em meio a essa tragédia das enchentes, DEUS me fez escrever novamente após me colocar em contato com uma família que precisa de muita ajuda. Neste último domingo e também na segunda-feira pude conhecer dois anjos: o pequeno Lorenzo de 7 anos e a linda Tamires, de 10. Crianças essas que sonhavam com uma festa de aniversário, de carinho e solidariedade em meio a tanto sofrimento que encontramos em cada canto dos municípios de Guaíba e Eldorado do Sul.

Sou muito grato pelas oportunidades que me são dadas em poder ajudar aqueles que precisam mais do que nós mesmos, sou grato por poder levar meu filho de 9 anos e ensinar a ele que o mundo tem salvação sim, se exercermos a TÃO SONHADA SOLIDARIEDADE QUE TANTO FALAMOS!  Pude ver nos olhos da minha esposa o sentimento de gratidão de poder fazer algo para aquelas crianças e conseguimos sentir de uma maneira sobrenatural a gratidão e o carinho que só as crianças podem passar.

Leia Também:

Foi lindo ver o PODER DA SOLIDARIEDADE.

Neste sentido, e após esse turbilhão sentimentos, tentei transcrever o que sentimos em um poema que dedico a todos que de alguma maneira se dedicaram a caridade e solidariedade realizada nestes últimos dias.

 

Poema: O Poder da Solidariedade

Autor: Felipe Coimbra

 

Na teia da vida, entrelaçados estamos,

Um elo de amor, solidariedade brilha.

Em cada gesto, em cada mão estendida,

O mundo se transforma, a esperança floresce.

 

Solidariedade, doçura que acalenta,

No peito de quem oferece, no olhar de quem recebe.

Um abraço apertado, uma palavra amiga,

São pontes que unem corações em harmonia.

 

Na escuridão da dor, a luz da solidariedade brilha,

Como estrela guia, como farol na tempestade.

É o calor humano que aquece a alma,

É o alento que renova, que fortalece.

 

Juntos somos mais fortes, unidos na bondade,

Cada ato de solidariedade é uma semente plantada,

Que cresce e se multiplica, espalhando amor e compaixão,

Transformando o mundo em um lugar melhor, em uma bela canção.

 

Que em cada amanhecer, em cada entardecer,

A solidariedade nos guie, nos inspire a ser melhores,

Que possamos, de mãos dadas, construir um futuro de igualdade,

Onde a solidariedade seja a bússola, o caminho e a verdade.

 

Prometo não faltar mais a nossos encontros, sejam eles mensais, quinzenais ou semanais! Mas também quero que me prometam que irão continuar nesta corrente do bem, buscado a cada dia serem mais solidários uns com os outros.

 

Mais não falo, apenas reflito ....

Comentários:
Felipe Coimbra

Publicado por:

Felipe Coimbra

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Saiba Mais

Veja também